DireitosReservados

DireitosReservados
☆poemasEleonoraMarinoDuarte☆edição&arteWalkyriaSuleiman☆

30 de nov de 2012

Despejo






Sou só
lida
solidão

Imposta
como porta
posta

Ou cadeado
ao
portão

Arquitecto
secreto
refúgio

Aquieto
duro o
coração

Concreta
mente
findo, fujo


Saio
da casa
de nós

Secreta
mente
ainda sonho:

espero
sóis





foto: MárciaBorlengui da série Cadeiras Itinerantes

33 comentários:

Helcio Maia disse...

Que nós só
se desatem
quando encantar
o após

Pois
os dois sós
com solos se encantem
e cantem bem alto,
sob lençóis.

Sylvio de Alencar. disse...

Passando por aqui; sempre uma surpresa agradável.

Bjs!

Francisco Coimbra disse...

ENCANTO

sois de sóis
a luz e o brilho
dando teus olhos

eu te quero
um ser

encandeando-me!
Assim

TEU CANTO

teu canto
permanente,
permanece belo

o "encanto"
encanta

encandeando-me
Mim

Quem dera ser Assim e tu Mim, olhando sóis em tuas Letras!
Wal, está linda ;)
Beijos***

Eleonora Marino Duarte disse...

Helcio, amigo

beleza de poema!!!!

obrigada pela leitura e enfeite.

volte sempre, :)

beijo.

Eleonora Marino Duarte disse...

Sylvio,

outro dia, lá no Escotilha, me lembrei de você. pensei: o Sylvio nunca mais veio me ler e com toda a razão, abandonei o E-terna-luz...

:)

me perdoe, ok?


obrigada por vir.

um beijo.

Eleonora Marino Duarte disse...

Francisco,

a exuberância de Assim & Mim não cabe no mundo dos homens, só no mundo dos sonhos...

:)

obrigada por trazer poesia e amor ao nosso espaço.

um beijo.*.

teca disse...

Esse blog me impressiona e me impulsiona a imaginação!!!
Que fotografia tão expressiva e os versos compostos por letras e sílabas intrigantes e ao mesmo tempo comoventes.

Beijos, beijos!!!!

Sylvio de Alencar. disse...

Não..., vc não 'abandonou' nada; não se preocupe com essas coisas.
somos seres avuantes: um dia estamos aqui, outro aculá; nossos interesses se modificam, mas não desaparecem. Eu mesmo, diminuí em muito minha frequência no Blogger. Como um rio sigo agora os caminhos do Face, mas a geografia pode mudar, e aí então passarei mais tempo passeando entre os blogs, como fazia antes.

De qualquer forma espaços como esse são inesquecíveis, e também não faço força nenhuma para esquecê-los; pelo contrário, guardo-os do lado direito do peito.

Forte e carinhosos abraço, e um beijinho totoso na buchecha.

Até, amore.

Eleonora Marino Duarte disse...

Teca,

com o passar das postagens cada vez mais te sinto perto, fazendo parte de uma construção poética, aqui, no versos & ideias, no Escotilha... sua presença é fundamental para a continuidade do nosso trabalho de escrita, saiba disso. :)

obrigada por vir, permanecer e ler com tanta dedicação.


Mil beijos, querida.

Eleonora Marino Duarte disse...

Sylvio,

fico particularmente feliz por você entender a minha fuga dos blogs... realmente o face tem suprido a minha necessidade de saber dos escritores e amigos, mas agora voltei a escrever com regularidade e estou sentindo saudades de leitores como você, que entram dentro do que escrevo e viajam comigo na ideia.
sei que a amizade é uma via de mão dupla e mesmo você sendo gentilíssimo com a minha ausência, eu me cobro a presença lá na sua casa blog. vou me corrigir.

obrigada por vir, ler e ser o amigo de sempre.

um beijo.

O COELHO DE DÉBORAH disse...

Bela,

sair da casa de nós, quando em situação de despejo, é por ser forçada a deixar... O mais sensato e é aí que e está a luminosidade de seu poema, é se deixar ir, o outro que se dane todo quando perceber a besteira que fez. É "só esperar sóis". A esperança de que dias melhores virão... Afinal: quem não nos quer não nos merece! Que nasça um Sol mais digno e mais merecedor da pele que doira.
Belíssimo!

Walkyria, bela a foto de Márcia e a modelo, tu, é igualmente bela.
Uma pergunta: tu conheces a BB pessoalmente? Ela é essa pessoa luminosa, bela e amorosa que nos transmite? Tenho imensa curiosidade.
Parabéns a todas, mais um vez.
Um beijinho.

Sylvio de Alencar. disse...

Pretendo visitá-la mais, assim como a outros poetas e escritoras(es).
Vc tá certa: abandonar o Blogger é contraproducente. O Face é, a priori, um tanto 'inconsistente'.

Gosto de você.

Bjão!

Betina Moraes disse...

C.C,

suas colocações são sempre pertinentes, embora muito "inflexíveis" ..nem sempre conseguimos monitorar as nossas emoções a ponto de sair do amor que não nos ama... :)

mas, em todo o caso, o certo mesmo é "bola pra frente".

obrigada por vir, ler e ser sempre gentil, cuidadoso e simpático com o nosso trabalho. :)

beijo.

Betina Moraes disse...

Sylvio,

sem falar que o face não tem o charme de um blog!

:)


volte mesmo,

beijo, amigo.

Tania regina Contreiras disse...

Já nem digo nada. Amo a poeta de paixão, amo o espaço, as fotografias, o dedo da Wal e a foto da Wal, muitiplural. Esse espaço é queridinho meu, desde o nascedouro.

Beijos,

Betina Moraes disse...

nós é que te amamos, querida!

ainda sonho em te ver em fotos aqui... escrever sobre imagens da imagem de Tanita seria um luxo!

obrigada por ficar aqui conosco, querida.

um beijo, poeta.

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Gentefina.....
eu adoro ler esses comentários!!!!!

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Helcio
olha que vc achou o momento de encantar...
que bonito isso!

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Sylviussssss
eu não perdôo nada! Acho muito do feio vc, logo vc, cheio de ideias e dizeres, abandonar os blogs....

O Face veio pra demolir intimidades, criar falsas amizades, etc etc etc etal! vc sabe o que eu penso disso.

Enfim, eu adoro quando vc me visita lá no céu, adoro quando vc comenta aqui esse nosso blog de amigas.

Enfim, poxa..... te gosto viu!

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Francisco

tuas palavras me levaram a pensar em velas, chamas, fogos....

Obrigada pela poesia tão complementar ao nosso blog!
beijo

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Teca
sabe que isso acontece comigo tbm?
É sempre uma surpresa grande quando a Eleonora manda os versos, e eu embaralho as cartas e vejo que fizemos outra canastra

obrigada pela visita!

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Dona Coelho!!!! de Déborah

Sim, conheço a ßß pessoalmente, ela veio aqui na minha casa, fizemos algumas fotos até, que estão no blog, Veja lá a musa4, é ela.

E ela é essa flor que demonstra, de verdade. Agora, não mexe com o bicho, senão vc se arrepende. Eleonora é forte, já viveu mil vidas.

Obrigada pelos elogios...rsrsrs, vc sabe, quem não gosta né?

Agora, quanto ao seu comentário, eu sempre vou embora sem olhar pra trás, que não sou boba nem nada, não quero virar estátua de sal.

E penso secretamente.... dias piores virão..... ahahahahah. Não pra mim, claro, mas pra quem me magoou.

Obrigada querida, mais uma vez!

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Tanitaticaran

Tania querida.... que mais podemos dizer, fala sério!!!!
Vc é nossa companheira desde antes desse blog nascer. Temos história, vc, a Eleonora e eu.

Obrigada, assim, numa flexão de corpo!

O COELHO DE DÉBORAH disse...

Walkyria, musona,
Deborah é minha dona, mãe de meus filhos e parceira de vida. Casamos e vivemos juntos, até quando for para ser. Sou um terapeuta metido a filósofo e me apaixonei pelo vida de blog. Comecei defendendo o Francisco Coimbra, escritor meu amigo e amigo de minha filha, de um ataque descabido no blog dele. De lá para cá, criei a Toca e me apaixonei literariamente pela sua BB. Fiz dela a minha musa e minha mulher aprova, acredita?! Rsrs Gosto imenso dessa rapariga e acho que ela deve ser maravilhosa mulher e persona cativante. Eu pensei que você seria a pessoa certa para eu perguntar e acertei! Não sabia que ela era a Musa 4. Linda! Mágica! Fabulosa. Minha filha já acha que ela tem tipo de atriz italiana e olha que tem mesmo! Agora estou platonicamente cativada pela BB... Fiquei olhando as fotos e o trabalho de vocês, olha... É grande, viu? Gosto de si, acho-a uma escritora nata. Te prometo ir ao céuAberto e voar por lá. Foste muito querida me respondendo.

Um beijinho.

Sylvio de Alencar. disse...

Verdade, Betina (engraçadíssimo como este nome me caiu tão redondinho agora! No fundo, eu gosto dele Eleonora, foi através dele que te conheci e aprendi a apreciar a beleza de suas poesias), o blog é charmoso. Até os coments são meio diferente por aqui.
Virei mais, sim.
Beijo.



Cê gosta de um bloguinho hein Wall?
Rsrsrs!!
Sim, tenho ideias e sou falante, mas vc..., pohan...!, é fera no desenvolver das coisas e dos porquês! Se faz afiadas perguntas, e nos dá intuitivas respostas; fala sobre pessoas estendendo um manto de sentimentos, todos muito verdadeiros. Claro claro, a gente muda, alguns conceitos se tornam mais abrangentes e, penso, tudo por causa dos benditos sentimentos; neles Deus mora, e nós vamos morando junto com Ele.
Fico feliz que essa sua maneira não muda, apesar de certos mergulhos que as vezes nos fazem pensar em qual é, realmente, o sentido de nossa caminhada; e para onde, realmente, a gente está indo.
Fico feliz por apreciar os pitacos que cometo (cometia), em suas páginas.
Nos veremos mais, sim.
Beijos, Wall.
Te gostchu, também!




Walkyria Rennó Suleiman disse...

Ah seu Coelho danadinho.... nada como pertencer a alguém! Ainda mais alguém como Déborah, que entende de amor e de admirações, coisas bem diferentes.

A Eleonora tem cara mesmo de atriz italiana, poxa, como eu não havia percebido antes?

Mas o que vale nisso tudo, são alguns momentos da nossa vida, em que podemos compartilhar boas, belas e justas emoções. Agora vai lá na Musa 1 que sou eu, e um dia, passa lá no meu céuAberto.

AH, e obrigada!

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Silvícola....
olha só cada coisa que vc fala. Adoro! Deus mora nos sentimentos....poxa, vou ter quer me dedicar muito a esse pensamento.

Quanto aos meus mergulhos, vc sabe, talvez melhor que muita gente, que sou meio pessimista em relação ao ser humano, aos porquês disso tudo.... vc sabe.

Minha cabeça está sempre sendo levada a fazer perguntas, a aguentar o vazio da falta de resposta, e por aí vai.

Mas a vida continua, seja ela qual for.
te gosto!

Sylvio de Alencar. disse...

A filosofia dos mestres nos diz que: nossa cabeça é cheia de pensamentos interruptos, quereres, etc. Aí, vc para com tudo, deixa ela em silêncio (requer treino); aí vem o 'vazio'; depois disso, deste vazio, se instala uma visão mais abrangente das coisas, e da vida.
Acredito nisso.

Bjs Wall.

Sylvio de Alencar. disse...

A voz dos sentimentos, é a voz de Deus. É por meio deles que Ele fala.

Bjs.

Lily disse...


Muito bom este cantinho. Amei as imagens e encontrei teus poemas.

A Walquiria escreveu o que pensa sobre o Facebook, concordo plenamente com ela. Ele cria falsas amizades.

Beijos,

Suzana Guimarães - Lily

Betina Moraes disse...

que bom que você encontrou isto aqui!!!

sim, o facebook é mais um engodo do mundo virtual, sem tempo ou espaço para amizades que se olhem nos olhos... ainda bem que há gente disposta a fazer diferente e transformar em verdade o que se diz por lá. eu, por exemplo, vou ficar radiante o dia em que te conhecer!
é de verdade!!!


um beijo, querida. que bom ter você aqui!!!!

placco araujo disse...

Uaaauuuu... Que genial!
Parece um Hai-kai (é assim que se escreve?)
Lindo!
Beijos

Betina Moraes disse...

é assim que se escreve, sim senhor, amigo Placco!

que bom que veio,
melhor ainda se gostou!


obrigada, ;)
um beijo.